sábado, 21 de julho de 2018

Garoto de 13 anos morre após capotamento de veículo na Estrada da Amizade

Acidente também deixou ferida uma criança, de 10 anos. Motorista alegou que perdeu o controle da direção quando um segundo carro fechou a via.

Um garoto, de 13 anos, morreu na noite desta sexta-feira (20) após um acidente de trânsito na Estrada da Amizade, em Álvares Machado. Ele chegou a ser socorrido ao Hospital Regional de Presidente Prudente, mas não resistiu. Uma criança, de 10 anos, e um rapaz, de 21, estavam no mesmo veículo e sofreram ferimentos.

Conforme informações apuradas pela TV Fronteira, a Polícia Civil relatou que o acidente ocorreu por volta das 23h, próximo a uma ponte.
O motorista do Ford Focus – onde estava a vítima –, que seguia no sentido Presidente Prudente–Álvares Machado, alegou que um Fiat Uno fechou o caminho na estrada, momento em que ele perdeu o controle da direção e capotou.
No local, não foram realizados testes para verificar se o motorista havia ingerido bebida alcoólica, conforme a Polícia Civil.
Um inquérito policial foi instaurado para apurar as causas do acidente.

Mega operação conjunta entre Polícia Civil e Militar resulta em prisões

Por Da Redação

Operação conjunta entre Polícia Militar, Civil e Ministério Público resultou em prisões na tarde de ontem. (Foto: Cedida/Polícia Civil)Operação conjunta entre Polícia Militar, Civil e Ministério Público resultou em prisões na tarde de ontem. (Foto: Cedida/Polícia Civil)









Iniciou na tarde de ontem, 20, uma operação conjunta entre Polícia Militar e Polícia Civil que resultou em apreensões e prisões.
A ação teve início com uma reunião de todos policiais militares da área do 25º BPMI que participariam da operação, vindo a integrar conjuntamente as equipes da Polícia Civil. A operação conjunta contou também com o apoio do Ministério Público e teve como destino a cidade de Pacaembu, visando coibir o tráfico de drogas e outros crimes.
Participaram dos trabalhos um grande efetivo de policiais como equipes de Força Tática, Pelotão de Choque, Canil, Radio patrulhamento, ROCAM e equipes da Polícia Civil.
Como resultado da operação sete pessoas foram presas, sendo seis mulheres e um homem todos por tráfico de drogas, também foram apreendidos celulares, drogas e cartas relacionadas ao crime organizado.
Após os trabalhos de Polícia Judiciária, os presos foram encaminhados para unidades prisionais, após Audiência de Custódia, onde permanecerão à disposição da justiça.

Militar do Exército tem perna dilacerada em acidente

Postado por Leni Barbosa

Imagem foi feita por um leitor do Edição MS (Foto: Diego de Souza)


















Um acidente na noite desta sexta-feira (20), na avenida Virgínia Ferreira, em Coxim, deixou um militar do Exército gravemente ferido. Ele teve a perna esquerda dilacerada, do joelho para baixo.
Socorrido pelo Corpo de Bombeiros, o jovem identificado como Felippe Valêncio Oliveira, de 20 anos, foi encaminhado para o Hospital Regional Álvaro Fontoura, em estado grave.
O jovem perdia muito sangue quando foi socorrido e estava, aparentemente, em estado de choque. Ele deve ser transferido, no sistema vaga zero, para Campo Grande.
As primeiras informações dão conta de que a vítima pilotava uma Yamaha Lander, placa de Coxim, pela rua Afonso Costa Campos, e teria avançado o sinal para atravessar a avenida Virgínia Ferreira.
Neste momento, a moto do militar foi atingida por uma Toyota Hillux, placa de Pedro Gomes, que subia pela avenida. O motorista da camionete, João Teodoro da Silva, de 62 anos, nada sofreu. Ele permaneceu no local para prestar esclarecimentos à polícia.
O GTRAN (Grupamento de Trânsito) da Polícia Militar esteve no local.

Motorista morre e passageiras ficam gravemente feridas em acidente entre carro e ônibus em Taciba



Batida entre veículos foi na manhã deste sábado (21) na Rodovia Jorge Bassil Dower (SP-421). Mãe e filha foram encaminhadas para hospitais de Porecatu (PR) e Presidente Prudente (SP).
Por G1 Presidente Prudente

21/07/2018 12h02  

Um homem, de 45 anos, morreu e duas pessoas ficaram gravemente feridas em um acidente envolvendo um carro e um ônibus na manhã deste sábado (21) na Rodovia Jorge Bassil Dower (SP-421), em Taciba.

Segundo informações da Polícia Militar Rodoviária, um Ford Ecosport, com placas de Osasco (SP), seguia pela rodovia no sentido ao Estado do Paraná, e bateu, por motivos a serem esclarecidos pela perícia, transversalmente em um ônibus, com placas de Tupã (SP), que cruzava a via em uma rotatória de nível. O acidente foi por volta das 6h.

O condutor do Ecosport não resistiu aos ferimentos e morreu no local. A esposa – idade não divulgada – do motorista do carro e uma criança, de 10 anos – filha do casal –, tiverem ferimentos graves e foram encaminhadas para a Santa Casa de Porecatu, no Estado do Paraná, e para o Hospital Regional (HR) de Presidente Prudente, respectivamente.

Conforme a Polícia Militar Rodoviária, “não houve interdição ou interferências ao trânsito de veículos no local dos fatos”.

O motorista do ônibus realizou o teste do etilômetro e o resultado foi negativo para embriaguez. O veículo, que seguia de Curitiba (PR) para Penápolis (SP), estava com 29 passageiros e ninguém se feriu.

A ocorrência foi registrada na Delegacia de Polícia Civil de Taciba. A Polícia Científica foi acionada, compareceu no local e periciou os veículos e a rodovia. O corpo do condutor foi removido ao Instituto Médico Legal (IML) de Presidente Prudente.

Estado de saúde
Em nota enviada ao G1 na tarde deste sábado (21) , o Hospital Regional de Presidente Prudente informou que a criança de 10 anos permanece sob cuidados da equipe médica e multiprofissional, e seu estado de saúde é considerado estável.

Até o momento, o G1 não conseguiu informações sobre o estado de saúde da outra vítima.

Músico morre quatro dias após acidente no Centro de Dourados

Postado por Leni Barbosa
 
Acidente ocorreu na madrugada de domingo em Dourados - Crédito: Osvaldo Duarte
O músico Alessandro Pichinini Calindo, 46, o ‘Paulista’, morreu na noite de quinta-feira (19/7) em Dourados, quatro dias após se envolver em acidente de trânsito na região central. Ele estava internado no Hospital da Vida desde o dia 15 de julho.Na madrugada do fato, ele trafegava pela rua Albino Torraca a bordo de uma bicicleta motorizada, quando atravessou a avenida Joaquim Teixeira Alves e acabou atingido por um Honda W-RV, conduzido por uma mulher de 48 anos, moradora no Parque Alvorada. Bastante ferido, ele foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros e encaminhado à unidade hospitalar, porém, não resistiu aos ferimentos e acabou tendo o óbito confirmado por volta de 19h30.Paulista era conhecido na cidade por fazer parte de um grupo de samba. 

Taxista perde controle de veículo e capota na MS-134 em Nova Andradina


Redação Jornal da Nova. Imagens: Luis Gustavo/Jornal da Nova

Um taxista de 56 anos, morador em Três Lagoas, capotou o veículo Nissan/Versa, com placas de Três Lagoas no final da manhã desta sexta-feira (20), a 9 km do perímetro urbano de Nova Andradina, sentido a Nova Casa Verde. Ele saiu ileso do acidente.
Conforme disse a vítima ao Jornal da Nova, ele saiu de madrugada de Três Lagoas com passageiros e deixou na cidade de Naviraí e ao retornar para sua cidade de origem, acabou perdendo controle da direção veicular na rodovia MS-134 a 9 km de Nova Andradina, sentido à Casa Verde.
Conforme a vítima, ele se atrapalhou com o sol que bateu em seu rosto, perdeu controle e capotou o veículo às margens da via. Do acidente resultou em apenas danos materiais ao automóvel, ele saiu ileso

Após desentendimento, funcionário esfaqueia patrões e criança de 11 anos


Campo Grande News
A polícia procura o suspeito de esfaquear três pessoas da mesma família, entre elas uma criança de 11 anos que teve a orelha decepada, na noite desta quinta-feira (19) em Campo Grande. As vítimas, pai, mãe e filho, foram socorridos para a Santa Casa de Campo Grande com ferimentos graves.
De acordo com a delegada Franciele Candotti Santana, plantonista da Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Piratininga, o autor do crime trabalhava para a vítima e teria ido a residência da família pedir dinheiro, mas uma discussão teria começado entre ele e o patrão.
Durante a briga, o homem - de nacionalidade paraguaia - sacou uma faca e esfaqueou o patrão, a esposa dele e o filho de 11 anos, antes de fugir do local. O homem sofreu um corte profundo no pescoço, foi socorrido em estado grave e levado para a Santa Casa.
Segundo a delegada, a vítima perdeu cerca de 70% de sangue do corpo, passou por cirurgia e está sedado. A criança teve a orelha decepada e também foi internada. Os ferimentos sofridos pela mulher não foram divulgados, mas ela estaria estável.
Ainda conforme Candotti, as famílias do autor e das vítimas são “muito próximas” e originais de Bela Vista. “Inclusive foi o patrão quem trouxe o autor para trabalhar em Campo Grande”, detalhou a delegada. Investigadores da Polícia Civil foram ao hospital conversar com as vítimas, mas a motivação do crime ainda não foi confirmada. O suspeito está foragido, não teve o nome divulgado e é procurado pela polícia.

PREVISÃO DO TEMPO

Resultado de imagem para Fotos de tempo bom
Situação normal aqui no Oeste Paulista

De acordo com a previsão, hoje (21) está bastante frio por aqui e vento gelado. Mas a partir de amanhã (domingo), vai esquentar de novo até o final do mês, quando está previsto chuva, mas nada de chuva pesada. Para se ter uma noção, o tempo neste ano de 2018 vai continuar com mais sol do que chuva até o final do ano. Vamos aguardar!

Dezoito anos depois, réu é absolvido de assassinato por falta de provas


Redação
Campo Grande News
Por maioria dos votos, o conselho de sentença absolveu Josemar Jose de Arruda, acusado de assassinar a tiros o cunhado, identificado como Valdenilson da Silva, em julho de 2000. O julgamento aconteceu na 1ª Vara do Tribunal do Júri de Campo Grande, sem a presença do ré.
Josemar foi acusado de matar a tiros o cunhado, na Chácara do Rui, no Jardim Colorado, saída para Sidrolândia, em Campo Grande, na manhã do dia 30 de julho de 2000. Ele teria matado Valdenislon para defender a irmã Josemara Ap. Arruda, que já faleceu.
Para o Ministério Público, o motivo do crime seria torpe, por ter sido cometido por vingança. O recurso utilizado para o crime dificultou a defesa da vítima, pois Valdenilson estaria sentado de costas e desarmado, quando foi baleado. Por essa razão, o MPE acusou os irmãos de homicídio doloso qualificado, por motivo torpe e recurso que dificultou a defesa da vítima, além do concurso de concurso de pessoas.
No entanto, a defesa pediu a absolvição por falta de provas, por crime privilegiado ou que as qualificadoras foram retiradas.
Nesta manhã, por maioria dos votos do Conselho de Sentença, Josemar foi absolvido por falta de provas. O julgamento foi conduzido pelo juiz Mário José Esbalqueiro, que substitui o Carlos Garcete.
Arquivado - Em 2003, o processo foi arquivado provisariomente, aguardando captura dos réus que estavam foragidos. No ano de 2014, o acusado J.J. de A. foi capturado e o processo reativado. No mesmo ano, foi declarada extinta a punibilidade da acusada Josemara, em razão de seu falecimento.
Em maio de 2015, o juiz Carlos Alberto Garcete de Almeida impronunciou o acusado, diante da falta de indícios razoáveis que autorizem determinar que o acusado seja levado a julgamento pelo Tribunal do Júri. Houve recurso e o Tribunal de Justiça reformou a sentença de impronúncia, determinando que o acusado seja submetido à júri popular.
No último dia 18 de julho de 2018, o oficial de Justiça procurou o acusado em Campo Verde (MT), onde ele estaria trabalhando em uma fazenda. No local, o oficial foi informado de que não se recordava de ter empregado alguém com o nome. Como ele não foi localizado, o júri popular ocorreu na manhã desta sexta.
Caso - Josemara, Valdenilson e as filhas tinham se mudado para a chácara há dois meses por motivo de trabalho. Na noite anterior ao crime, o homem e a esposa se agrediram após discussão e Josemara saiu de casa levando as filhas, ameaçando a vítima de morte. No dia seguinte, os irmãos foram até a chácara iniciaram uma discussão com a vítima que, na sequência, foi baleada com 2 tiros. Josemara foi processada por ter instigado o irmão a matar Valdenilson

Região soma saldo negativo de mais de 200% em importações e exportações

Segundo dados do Ministério da indústria, Comércio Exterior e Serviços, entre janeiro e junho de 2017-2018, Dracena teve o pior saldo da região com -117,71%

Indústria de processamento de frutas que encerrou atividades no ano passado era uma das referências na exportação de Dracena  (Foto: Arquivo JR/Lucas Mello)Indústria de processamento de frutas que encerrou atividades no ano passado era uma das referências na exportação de Dracena (Foto: Arquivo JR/Lucas Mello)











O Ministério da Indústria, Comércio e Exterior e Serviços divulgou os números da balança comercial do primeiro semestre em comparação ao mesmo período do ano passado. Na região, cinco cidades dentre elas: Adamantina, Dracena, Junqueirópolis, Lucélia e Monte Castelo somam saldo negativo de 245,09%, entre exportação e importação.
Dracena teve o pior saldo da região com -117,71% em comparação a 2017-2018. De janeiro a junho deste ano, a cidade Milagre exportou US$ 93,448 e importou US$ 193,464, saldo negativo de -100,016%. No comparativo do mesmo período do ano passado, Dracena exportou US$ 642.239 e importou US$ 77.617, com saldo positivo de 564,622%.Seguido vem Adamantina.
De janeiro a junho deste ano, Dracena exportou US$ 7.036,073 e importou US$ 259.762, saldo de 6.776.34. No comparativo do mesmo período do ano passado, Adamantina exportou US$ 12.166.480 e importou US$ 147.570. O saldo de Adamantina entre 2017-2018 é negativo com 43,62%.
Depois é Junqueirópolis. De janeiro a junho deste ano, o município exportou US$ 44.358.160 e importou US$ 0, saldo de 44.358.160. No comparativo do mesmo período do ano passado, Junqueirópolis exportou US$ 58.355.437 e importou 0, saldo de 58.355.437. O saldo de Junqueirópolis entre 2017-2018 é negativo com 23,99%.
De janeiro a junho deste ano, Lucélia exportou US$ 2.638.653 e importou US$ 411.949, com saldo de 5.535.233. No comparativo do mesmo período do ano passado, Lucélia exportou US$ 5.535.233 e importou 0. O saldo do município entre 2017-2018 é negativo com 59,77%.
Por fim, Monte Castelo. De janeiro a junho deste ano, o município exportou US$ 158.760 e importou 0, com saldo de 158.760. No comparativo do mesmo período do ano passado, a cidade exportou e importou 0. 
Os dados de todos os municípios do País servem como base para a soma do Produto Interno Bruto (PIB), que é a soma de tudo o que é produzido.
FIM DAS ATIVIDADES
Em novembro do ano passado, uma indústria de processamentos de frutas de Dracena teve as atividades encerradas. A indústria era uma das referências na exportação de embalagem de sucos naturais para o exterior. Com o fechamento, além da dispensa de mais de 30 funcionários e o impacto para mais de 200 produtores de fruta que fornecia a matéria-prima, houve um saldo negativo para a economia local e regional.

MEU DEUS, ONDE VAMOS CHEGAR!?


96% dos usuários tiveram problemas com planos de saúde, diz pesquisa
Postado por Leni Barbosa
Uma pesquisa feita pela Associação Paulista de Medicina (APM) aponta que 96% dos usuários de planos de saúde relataram algum tipo de problema na utilização do serviço nos últimos dois anos. O percentual é maior do que o verificado na última pesquisa em 2012 (77%). As consultas médicas e os exames foram os serviços mais usados e os que mais registraram problemas. Nas consultas médicas, as dificuldades passaram de 64% para 76%. No caso dos exames passaram de 40% para 72%. Foram entrevistadas 836 pessoas, entre 25 de abril e 2 de maio deste ano.
Segundo os dados, entre os pacientes que tiveram dificuldade nas consultas, o principal problema apontado é a demora na marcação (60%), seguido da saída do médico do plano (37%) e da falta de médico para as especialidades (23%). Com relação aos exames, 42% disseram que tiveram que realizar em lugares diferentes, 39% reclamaram da demora para a marcação, 38% apontaram para o fato de haver poucas opções de laboratórios e clínicas, 31% disseram que houve demora para a autorização de algum procedimento e 22% disseram que o plano não cobriu algum exame ou procedimento.
“Foi um crescimento muito grande quando se trata de uma área tão crítica quanto o sistema de saúde principalmente considerando que são pessoas que pagam pelo atendimento. É um número inaceitável”, avaliou o diretor da associação, Florisval Meinão. “Com relação às dificuldades, os números querem dizer que as empresas trabalham com uma lógica comercial. Elas buscam trabalhar com redes muito restritas para atendimento e essa rede é insuficiente para garantir o atendimento. Daí essa demora na marcação de consultas e exames”, completou.
Com relação ao pronto atendimento, os usuários relatam que o local de espera estava lotado (76%), que o atendimento demorou muito (59%), que houve demora ou negativa para realização de exames ou procedimentos (34%) ou demora e negativa na transferência para internação hospitalar (12%).
Sobre as internações, 37% afirmaram ter poucas opções de hospitais, 26% tiveram dificuldade ou demora para o plano autorizar a internação e 16% se depararam com falta de vaga para internação. Com relação às cirurgias, 18% enfrentaram demora para a autorização, 9% não tiveram cobertura para materiais especiais e 8% não tiveram autorização.
“A situação que me parece mais grave é a do pronto atendimento. As pessoas não têm uma rede suficiente e têm sua situação agravada. Eles procuram as unidades de atendimento de urgência. A demora e a espera são muito grandes, as dificuldades para a realização de exame nesses locais também é grande, o paciente precisa internar e não consegue internação. Fica uma situação muito difícil para quem vive um problema agudo”, disse Meinão.
Como consequência do atendimento deficitário dos planos, a quantidade de usuários que foi obrigada a procurar o Sistema Único de Saúde (SUS) passou de 15% há seis anos para 19% em 2018. Já aqueles que viram como única opção o atendimento particular passaram de 9% para 19%.

Médicos 

A APM também avaliou a opinião de 615 médicos - 90% deles declararam haver interferência das empresas no exercício da medicina. Seis em cada dez apontam restrições quanto à solicitação de exames para o diagnóstico e alternativas de tratamento, além de apontarem entraves para a prescrição de medicamentos de alto custo, tempo de internação e de pós-operatório. As entrevistas foram feitas entre 12 de junho e 2 de julho. A pesquisa mostrou que 60% trabalham no SUS e desses apenas dois entre dez disseram conseguir internar um paciente com facilidade. Pelo menos 85% afirmaram também enfrentar problemas para obter uma sala de cirurgia, sendo que 91% apontam dificuldade excessiva. Nove em cada dez profissionais dizem que o SUS não tem equipamentos adequados para exames e diagnósticos.Em decorrência dessas dificuldades, sete em cada dez médicos disseram já ter sido agredidos durante o exercício da profissão. Pelo menos 12% denunciaram que já foram vítimas de agressão física.

Planos Em nota, a Associação Brasileira de Planos de Saúde (Abramge) afirma que mantém a disposição para manter um diálogo aberto e pede que as entidades e categorias profissionais busquem, em conjunto com as operadoras e as autoridades, soluções para os desafios do setor.Entre os desafios, a associação destaca “a escalada incessante dos custos assistenciais, motivada principalmente pela mudança no perfil demográfico, com o consequente aumento da assistência à população idosa, e pela incorporação constante e indiscriminada de tecnologias, e aumento de fraudes/desperdícios e a da indevida judicialização da saúde”.A associação reforça que o descredenciamento de médicos que pedem mais exames não é regra e critica o “excesso de solicitações de exames”. “Prova disso é que o país é o campeão mundial de realização de ressonância magnética, um triste exemplo de desperdício, pois, com toda a certeza, muitos desses exames são completamente desnecessários”, destacou a nota.


Idosa morre depois de ser atropelada por motociclista sem habilitação na Capital

Redação
Campo Grande News
Idosa de 83 anos morreu no hospital horas depois de ser atropelada por motociclista sem habilitação. O acidente ocorreu na tarde de ontem (19) por volta das 16h30, na rua Península, no bairro Coophavila II, em Campo Grande. Moradores chegaram a tentar linchar o homem que não foi identificado pela polícia.
Conforme o boletim de ocorrência, a vítima foi identificada como Eunice Costa. O nome do motociclista não foi inserido no registro, pois ele estava ferido após tentativa de linchamento de moradores e precisou ser socorrido juntamente com o pai para uma unidade de saúde.
Antes de ser levado, ele conseguiu relatar a Polícia Militar que seguia na rua Península quando a idosa tentou atravessar a rua. Depois de ser atropelada, Eunice foi socorrida para a Santa Casa. Horas depois ela morreu na unidade de saúde.
Ainda no local do acidente foi verificado que o motociclista não tinha CNH (Carteira Nacional de Habilitação) e a documentação da moto estava irregular.
Até o registro da ocorrência na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) da Vila Piratininga o motociclista não havia se apresentado a polícia.

Governo contesta ação que exige licitação para finalizar Aquário

Redação
Jornal da Nova

O governo do Estado de Mato Grosso do Sul apresentou um agravo de instrumento contra a ação civil pública impetrada pelo promotor do Ministério Público Estadual (MPMS), Marcos Alex Vera de Oliveira, que solicitou o impedimento da homologação do acordo emergencial, o qual prevê a contratação sem licitação, de empresa responsável para finalização das obras do Aquário do Pantanal. 
De acordo com informações da Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos (Agesul), o agravo foi apresentado na sexta-feira da semana passada (13 de julho), a fim de que seja mantida a dispensa da licitação, bem como, a manutenção do orçamento e os preços iniciais da obra.
No último dia 10 de julho, o juiz da 2ª Vara de Direitos Difusos, Coletivos e Individuais Homogêneos de Campo Grande, David de Oliveira Gomes Filho, aprovou a liminar que proíbe o governo do estado de dispensar licitação para este fim, solicitando também, prazo de 30 dias para apresentação de providências tomadas para o cumprimento da decisão.  
O magistrado reforçou ainda, algumas das justificativas apresentadas na ação do MPMS apontando que o total  pago às duas empresas soma quase R$ 39 milhões - em obras de engenharia civil e sistema de suporte à vida - é uma afronta a lei de licitação vigente. 
“A obra em si já foi licitada anteriormente, revelando a forte probabilidade de que seja possível fazer uma licitação. Afirma a Agesul que existiram 15 interessados naquela época, embora apenas dois tenham sido habilitados. Ao contrário do alegado pelos requeridos, não há como prever o desinteresse de futuros licitantes para justificar uma contratação direta”, argumentou o juiz na decisão.
Por fim, o magistrado finalizou a argumentação destacando que os requeridos (governo do estado) tem a compreensão clara de que a demora na conclusão da obra pode causar danos ao patrimônio público e a dispensa de licitação, se mal feita, gera graves consequências aos responsáveis.
BOM DIA

sexta-feira, 20 de julho de 2018

Departamento de Trânsito comunica interdição de via em Epitácio


A prefeitura de Presidente Epitácio através do Departamento de Trânsito informa à população que está programada para quarta-feira, dia 25, a interdição das quadras 5 e 6 da rua Maceió e 1 e 3 da rua Antônio Marinho de Carvalho Filho, no horário das 18 as 24 horas. O motivo da interdição é a realização do evento “Inverno Quente” com shows musicais em diversos pontos da cidade. O evento é promovido pela Associação Comercial de Presidente Epitácio – Acipe com o apoio da prefeitura.


Operação da Polícia Militar apreende revólver, simulacros de pistola e droga em Álvares Machado

Ação, no Parque dos Pinheiros, também resultou na prisão de um homem, que até tentou fugir da abordagem policial, mas não conseguiu.


Um indivíduo, de 18 anos, foi preso em flagrante durante uma operação da Polícia Militar deflagrada nesta quinta-feira (19) no Parque dos Pinheiros, em Álvares Machado. Um revólver de calibre 32 e pedras de crack foram apreendidos na ação, bem como dois simulacros de pistola.

Segundo a PM, após receber denúncias, a equipe foi até o bairro e durante a abordagem e vistoria em uma oficina de motocicletas do bairro, um dos ocupantes do estabelecimento fugiu para os fundos do imóvel. Porém, ele foi acompanhado e detido pelos policiais.

Durante busca pessoal, os militares encontraram em sua cintura um revólver de calibre 32, com duas munições intactas.

Conforme o Boletim de Ocorrência, posteriormente, os militares também realizaram diligências na casa do indivíduo, autorizadas pela mãe dele. Na ocasião, foram encontrados no quarto do suspeito dois simulacros de pistola, que estavam em uma gaveta.

O indivíduo, que estava dentro da viatura policial, foi contatado e revelou que havia droga em seu quarto, "pois é usuário". Os militares, então, retornaram ao imóvel e localizaram quatro pedras de crack em uma gaveta.

Os objetos apreendidos e o homem foram conduzidos para a Delegacia da Polícia Civil de Álvares Machado.

G1.Prudente


Morador de rua usa carrinho de mão 'adaptado' para transportar objetos furtados de residência, mas acaba preso

PM foi acionada por uma testemunha, que visualizou o autor saindo com os produtos da casa, na Vila Comercial, em Presidente Prudente, e seguindo no sentido do Centro.


A Polícia Militar deteve em flagrante na tarde desta quinta-feira (19) um homem, de 51 anos, suspeito de ter furtado uma residência na Vila Comercial, em Presidente Prudente.

A corporação foi acionada por uma testemunha, que visualizou o autor saindo com os produtos da residência e seguindo no sentido do Centro.

Em patrulhamento pelo bairro, os militares localizaram o indivíduo na Rua Bela com os produtos retirados do imóvel.

Segundo a PM, os objetos eram transportados pelo indivíduo em uma espécie de “carrinho de mão” adaptado com pedaços de madeira.

Os policiais mantiveram contato com a testemunha, que confirmou ter visto o homem, que é morador de rua, saindo com os objetos do interior da casa.

Diante do flagrante, o autor foi conduzido à Delegacia Participativa, onde a Polícia Civil registrou o Boletim de Ocorrência de furto qualificado a residência.

Os objetos furtados também foram levados à delegacia, pois os policiais não conseguiram localizar a vítima do crime.

O homem permaneceu preso à disposição da Justiça.

G1.Prudente



PM encontra mais de quatro quilos de maconha em geladeira de residência e prende morador em flagrante por tráfico

Homem, de 31 anos, chegou a negar que comercializasse entorpecente, em Lucélia, mas antes da entrada dos policiais para uma busca domiciliar no imóvel acabou por confessar o crime.


A Polícia Militar prendeu em flagrante por tráfico de droga um homem de 31 anos, na Vila Rancharia, em Lucélia, na noite desta quarta-feira (18). Na casa dele, foram encontrados e apreendidos 4,514 quilos de maconha.

Durante patrulhamento pela cidade, os militares receberam informações de que um homem comercializava entorpecentes na Vila Rancharia. Os policiais, então, dirigiram-se ao local, porém, a residência estava fechada.

Em diligências por outro ponto da cidade, a PM conseguiu abordar o indiciado e, em busca pessoal, nada de ilícito foi encontrado com ele, apenas a quantia de R$ 145.

O homem foi questionado sobre as denúncias e negou que vendesse drogas. Conforme a PM, ele concordou em acompanhar os policiais até a sua residência para um busca domiciliar e, no local, antes que entrasse na casa, declarou que realmente havia droga, dizendo: “Perdi, senhor”.

Segundo a polícia, ele confessou que fazia a venda ilícita e, após permitir a entrada dos militares, foram localizados no interior da geladeira sete tabletes de maconha e 21 porções da mesma droga já preparadas para a comercialização, o que totalizou 4,514 quilos.

Os policiais ainda apreenderam uma balança de precisão e embalagens plásticas encontradas na casa.

Diante do flagrante, o homem recebeu voz de prisão e permaneceu à disposição da Justiça.

G1.Prudente



Prefeitura lança campanha “Cidade Limpa” em Epitácio




A prefeitura de Presidente Epitácio através de parceria entre as secretarias Municipais de Saúde e Educação, está promovendo o lançamento da campanha “Cidade Limpa 2018/2020”. A campanha que tem o slogan “Pequenos atos fazem toda a diferença” tem como objetivo conscientizar a comunidade que todos podemos fazer algo para melhorar a limpeza pública.

A prefeitura vem fazendo um grande esforço para manter a cidade limpa, através de ações como o recolhimento de lixo descartado irregularmente, pulverização de bocas de lobo e pontos estratégicos para eliminar pragas urbanas, limpeza de terrenos e áreas institucionais.

A campanha alerta a população sobre a importância do descarte correto de lixos e entulhos, limpeza de terrenos do qual os infratores serão PASSIVOS DE MULTAS no ato da ação ou flagrados nas câmeras de monitoramento.

A parceria com a Secretaria Municipal de Educação será através da distribuição de material de orientação nas escolas enquanto a Secretaria Municipal de Saúde fará orientações casa a casa utilizando o trabalho dos agentes de saúde, endemias e outros.

Segundo o secretário Miguéias Alves de Oliveira da Secretaria Municipal de Saúde, a intenção é convocar a população para serem Agentes Fiscalizadores e ajudarem a prefeitura a manter a conservação de suas ruas e demais espaços públicos, construindo assim, uma cidade cada dia melhor com a colaboração de todos.

Contudo, o secretário destaca que só assim, com a colaboração de todos, as ações serão eficazes e as doenças transmitidas pelos mosquitos Aedes Aegypti, (dengue, chikungunya e zika);  mosquito palha (leishmaniose); e a proliferação de animais peçonhentos que trazem risco para a população poderão ser controlados aumentando a segurança e a qualidade de vida de todos.

Em caso de denúncias favor ligar para o setor de Fiscalização da prefeitura através do telefone 32518000.



Quase 20% da população ainda guarda moedas em casa, diz Banco Central

Publicado em 19/07/2018 - 11:36 Por Kelly Oliveira – Repórter da Agência Brasil  Brasília

Parte da população brasileira ainda tem o hábito de guardar moedas em casa. Estudo divulgado hoje (19) pelo Banco Central (BC) mostra que 19,3% da população guarda moedas por mais de seis meses. Além disso, 56,2% usam o dinheiro guardado no cofrinho para compras e pagamentos, mostra o BC, no estudo "O brasileiro e sua relação com o dinheiro".

De acordo com o chefe do Departamento do Meio Circulante do BC, Felipe Frenkel, 8 bilhões de moedas estão guardadas "em algum lugar". Ele destacou que quanto mais moedas ficarem em circulação, menor será o gasto de recursos públicos com a produção do dinheiro.

O chefe-adjunto do Departamento do Meio Circulante do BC, Fábio Bollmann, disse que o BC considera positivo que a população faça poupança com as moedas. Entretanto, ele orienta a trocar as moedas por cédulas sempre que atingir um valor maior, no comércio ou no banco, para ajudar na circulação de dinheiro.

Segundo o BC, o dinheiro vivo ainda é o meio de pagamento mais utilizado pela população: 96,1% responderam que, além de outros meios, também fazem pagamentos em espécie. Na questão, os entrevistados podiam marcar mais de uma opção – 51,5% mencionaram cartão de débito e 45,5%, cartão de crédito.

Frenkel acrescentou que a pesquisa é importante para saber qual é a demanda atual por dinheiro no país. “O Banco Central faz a pequisa para atender a demanda da população. Ainda é muito necessário o dinheiro no dia a dia”, acrescentou.

Para compras de até R$ 10, 87,9% dos entrevistados preferem utilizar dinheiro. Esse índice diminui com pagamentos de maior valor. Para desembolsos de mais de R$ 500, a maior parte (42,6%) prefere cartão de crédito. No comércio, 75,8% dos estabelecimentos aceitam pagamentos no débito e 74,1% no crédito. Apenas 16,3% aceitam cheques.

Salários
Bollmann destacou que “uma parcela significativa da população ainda recebe o pagamento de salários em espécie. Segundo a pesquisa, esse percentual chegou a 29%, embora a maioria receba por meio de conta corrente ou de pagamento e poupança (48%). Outros 22% disseram que não têm renda, 1% não responderam como recebem o salário e 0,4% por cheque. Em 2013, o percentual dos que recebiam salário em dinheiro era maior: 51%.

Faturamento do comércio
Segundo o comércio, os pagamentos em dinheiro representam 50% do faturamento, contra 55% registrados em pesquisa de 2013. O cartão de débito aumentou de 14% para 20% sua fatia no fluxo de caixa dos estabelecimentos. Já o uso de cheques diminuiu 2 pontos percentuais, passando para apenas 1%. As vendas feitas em cartão de crédito ficaram estáveis no período, com 25%.

Segurança da cédula
Segundo o BC, entre a população, a marca-d'água é o item de segurança mais conhecido, seguido do fio de segurança e da textura da nota. No comércio, a textura ou espessura do papel foi o item mais utilizado para reconhecimento de nota verdadeira, com 48%, seguido pela marca d’água e o fio de segurança.

A pesquisa mostra que 23% dos entrevistados declararam já ter recebido uma cédula falsa, o que representa uma redução de 5 pontos percentuais em relação a 2013, que registrou 28%. Daqueles que receberam notas falsas, apenas 28,3% entregaram para análise do BC.

De acordo com o BC, o hábito de verificar a autenticidade das notas está relacionado ao seu valor. Apenas 8,5% declararam verificar sempre as notas de R$ 2,00. Já para as notas de R$100, o percentual passa para 43,4%. Mesmo para as notas de maior valor, um percentual expressivo não verifica nunca: 39,2% para as de R$50 e 37,7% para as de R$100.

Por ser menos utilizada, a cédula de R$ 100 é considerada a mais bem conservada tanto pelo comércio quanto pela população, diz o BC.

A abrangeu a população de adultos residentes nas capitais e municípios com 100 mil ou mais habitantes e caixas de comércio e serviços. Para cada dos dois públicos-alvos foram realizadas mil entrevistas, em abril deste ano.



Dupla George Henrique e Rodrigo convida para show na Faive


Cantores gravaram vídeo para falarem sobre o show
(Foto: Divulgação / A.I / Faive)

Para agitar ainda mais o público de Presidente Venceslau e região, a dupla George Henrique e Rodrigo enviou um vídeo para divulgar o show do próximo dia 9 de agosto, que será realizado no Recinto de Exposições “Alfredo Ellis Neto” durante a Feira Agropecuária e Industrial de Presidente Venceslau (Faive).

No vídeo, os cantores fazem o convite para toda a população. "Alô minha galera de Presidente Venceslau! No dia nove de agosto estaremos com vocês", disse George Henrique.

A dupla aproveitou para promover a nova canção de trabalho, intitulada "Segue o Plano". A música já possui mais de 11 milhões de visualizações no Youtube, sendo publicada há três meses. Além da nova música, George Henrique e Rodrigo fizeram sucesso com a música “De Copo em Copo”, que atingiu recentemente a marca de 54 milhões de visualizações na plataforma.
Em seu repertório, a dupla conta também com singles com participações de duplas já consagradas no cenário nacional, casos de Henrique e Juliano e Bruno e Marrone.
Sobre a dupla

Com irreverência, George Henrique e Rodrigo entraram no mercado fonográfico há sete anos, após a divulgação do primeiro DVD. Em 2015, na gravação do DVD “Ouça com o coração”, receberam os mais badalados nomes da música sertaneja, Henrique e Juliano, Jorge e Mateus e os padrinhos Bruno & Marrone.

Crescendo no cenário nacional, a dupla já é dona de um repertório recheado do sucessos. Em 2017 assinaram contrato com a Universal Music com status de prioridade na companhia. Neste ano, os trabalhos são voltados ao lançamento do novo DVD denominado Ao Vivo De Copo Em Copo, com várias modas de boteco.
Ingressos
A venda de ingressos para o show da quinta-feira (9) segue com valores promocionais. Os ingressos do setor vip são vendidos a R$ 20, enquanto que o ingresso para a pista pode ser adquirido por R$ 15.
Demais shows

A Faive terá cinco shows em quatro noites do evento. Além do show de George Henrique e Rodrigo, a feira terá as apresentações de Bruno e Marrone (dia 4), Fernando e Sorocaba (10) e Grupo Raça Negra e Pedro Henrique e Rafael (dia 11).

Os ingressos para os shows dos dias 4, 10 e 11 são vendidos por R$ 25, R$ 20 e R$ 20 para a pista, respectivamente. Para o setor vip, os ingressos dos shows dos dias 10 e 11 saem por R$ 25. Os ingressos a área vip para o show de Bruno e Marrone já estão esgotados.

Os valores promocionais podem ser parcelados nos cartões de crédito em até três pagamentos. Para a venda no crédito ou no débito existem taxas adicionais.
Passaportes

Os passaportes com ingressos para todas as noites de shows seguem a venda pelo valor de R$ 65 reais para pista. O passaporte dá direito a entrada no recinto nas quatro noites para assistir cinco shows.

Pontos de venda

Os ingressos são vendidos em cinco cidades. Em Presidente Venceslau, as vendas ocorrem no escritório da Faive, localizado na avenida Jorge Tibiriçá, número 273, e no Lojão do Amigo Bonfim, rua Cid Faria Fraga Moreira, 350. Em Presidente Epitácio, os ingressos são vendidos na Prudente Calçados, na avenida Presidente Vargas, número 10 – 62. Em Prudente, o ponto de vendas é o Posto Zap, na avenida Joaquim Constantino, número 1892. Em Caiuá, as vendas são feitas por Marcelo (Bira) através do telefone (18) 98187-1723. As vendas também ocorrem em Bataguassu (MS), na loja Prudente Calçados.

Eduardo Maduro/Assessor de Imprensa – Faive



Excesso de bagagem pode comprometer o desempenho do carro e a segurança dos passageiros

Manutenção preventiva do veículo também é fundamental para garantir um trajeto mais tranquilo

Quando o assunto é transporte de malas, a principal dica é não deixar objetos soltos e espalhados pelos bancos. No caso de uma frenagem, por mais leves que sejam, esses itens são arremessados e podem atingir alguém com o peso multiplicado. Para evitar riscos, o mais indicado é acomodar toda a bagagem no porta-malas e o que não couber, deixar embaixo do assento do passageiro e do motorista.

O pneu é outro item que merece atenção redobrada antes de pegar a estrada. A calibragem é importante para manter a estabilidade do veículo, além de aumentar o consumo de combustível. Ao se preparar para dirigir pela rodovia, o condutor deve calibrar os pneus nos primeiros quilômetros rodados. Isso porque o aumento da temperatura tende a aumentar a pressão, o que depois pode prejudicar a eficiência do serviço.

“Antes de realizar cada etapa da manutenção preventiva, o motorista tem que se atentar ao manual do usuário que acompanha seu veículo. Neste documento estão informações sobre a capacidade do seu porta-malas e a calibragem ideal dos pneus para rodovia. Além de outras informações que garantem o bom uso do carro e a segurança de todos”, recomenda o coordenador de Saúde e Segurança da CART, Nivaldo Bautz.

O sobrepeso do carro afeta ainda a suspensão e os freios, já que estão relacionados ao controle do veículo. A suspensão é sentida por meio dos ruídos e das folgas no sistema. No caso dos freios, o pedal fica mais mole e o tempo de frenagem cada vez mais longo. Dessa forma, o motorista deve planejar com antecedência cada manobra que irá fazer, aumentar a distância dos veículos da frente e respeitar os limites de velocidade.

Atente-se aos fluídos

Assim que a viagem é planejada, verifique o nível de fluído de freio, do limpador do para-brisa, radiador e a data de troca do óleo do motor. Se estiver próxima, o melhor é substituí-lo por um novo. O consumo do combustível é um dos primeiros sinais que o condutor nota quando o veículo está pesado. Para que o carro desempenhe a mesma velocidade, o motor trabalha com uma aceleração maior, por isso que o consumo aumenta.

Planeje sua bagagem

Seja a família grande ou pequena, planejar e levar somente o necessário para as férias pode evitar imprevistos com o carro e ajuda no manuseio dos objetos durante o passeio. A CART ainda recomenda o uso de bagagens em diferentes tamanhos para facilitar a distribuição de peso no porta-malas. Colocar a mala mais pesada por baixo é uma forma de preservar os itens e de precaver os passageiros de trás do impacto intenso.

Sobre a CART:

A CART, uma empresa Invepar Rodovias, administra o Corredor CART, que é formado pelas rodovias SP-225 João Baptista Cabral Rennó, SP-327 Orlando Quagliato e SP-270 Raposo Tavares, no total de 834 quilômetros entre Presidente Epitácio e Bauru, sendo 444 no eixo principal e 390 quilômetros de vicinais. A CART está entre as 10 melhores Concessionárias de Rodovias do Estado de SP de acordo ranking divulgado pela ARTESP - Agência Reguladora de Transportes do Estado de São Paulo, órgão que regulamenta e fiscaliza o Programa de Concessões Rodoviárias do Governo do Estado de São Paulo. Em 2017, a CART conquistou o troféu “Relacionamento com a sociedade” em evento promovido pela ARTESP no Prêmio “Concessionária do Ano”. Ainda no mesmo ano, a empresa foi premiada na 23ª edição do Prêmio FIESP Mérito Ambiental em que recebeu menção honrosa na categoria “Destaque Responsabilidade Socioambiental” com o Projeto “Seguindo em Frente”. A constante modernização nas rodovias realizadas pela CART contribuem para a expansão do comércio, indústria, do agronegócio, do turismo e da prestação de serviços nos municípios cortados pelo Corredor Raposo Tavares. A agilidade da rodovia duplicada e monitorada confere segurança no trânsito de cargas e conecta o Oeste Paulista com os principais pontos de escoamento da produção do Brasil.


Faive promove venda de estacionamentos vip em valor promocional

Vagas com seguro incluso são vendidas no escritório da Faive
(Foto: A.I / Faive)

Faltando pouco mais de duas semanas para a 42ª edição da Feira Agropecuária e Industrial de Presidente Venceslau (Faive), a procura pelos estacionamentos oficiais do evento aumenta. Para atender da melhor forma os Faiveiros de plantão, a organização preparou pacotes promocionais em valores acessíveis.
O pacote de estacionamento Vip para qualquer setor é comercializado a R$ 100, sendo este valor válido para todos os dias de feira. Conforme a comissão, o interessado deve confirmar presença o quanto antes, pois existem poucas vagas disponíveis.
Uma das vantagens de garantir o pacote de estacionamento de maneira antecipada é a de contar com vaga com seguro incluso.
A comissão organizadora oferece ainda a possibilidade de pagamento parcelado em três vezes no cartão. Para consultar valores e condições, o interessado deve se dirigir ao escritório da Faive, ponto de venda exclusivo dos estacionamentos.
Serviço
O escritório da Faive está localizado na avenida Jorge Tibiriçá, 273, centro da cidade. O atendimento ocorre das 8h às 18h entre segunda e sexta. Aos sábados, o atendimento ocorre das 8h às 12h.

Eduardo Maduro/Assessor de Imprensa – Faive



Cavalgada e almoço beneficente serão realizados na abertura da Faive

Luiz Henrique, Wagner Bueno e Cleiton Lima
(Foto: Eduardo Maduro / A.I Faive)

Com o objetivo de promover ações sociais e auxiliar a comunidade local, os organizadores da 42ª Feira Agropecuária e Industrial de Presidente Venceslau (Faive) acertaram os detalhes para a realização de mais uma edição da cavalgada de abertura com almoço beneficente na manhã do dia 4 de agosto, sábado. Na quarta-feira (18), o presidente Wagner Bueno recebeu a visita da diretoria dos Vicentinos (foto) para tratar sobre o assunto.

A exemplo dos anos anteriores, a cavalgada antecede a cerimônia de abertura da Faive, que neste ano será realizada no período entre 4 e 12 de agosto. Após a cerimônia, um almoço beneficente será servido no barracão da Hidroplan. De acordo com Luiz Henrique Lopes, vice-presidente dos Vicentinos e proprietário da Hidroplan, o almoço será realizado de maneira diferente neste ano. “A renda da cavalgada em todos os anos é em prol dos Vicentinos. Para participar do almoço, será cobrado R$ 15 por pessoa”, explicou.

Cavaleiros e população em geral estão convidados para participar do almoço, de acordo com Lopes.
Cavalgada

Segundo o vice-presidente, que esteve acompanhado pelo presidente da entidade, Cleiton Lima, a tratativa com o prefeito de Presidente Venceslau, Jorge Duran Gonçalez, para definir os locais nos quais a cavalgada passará na cidade será realizada nesta semana. "O melhor caminho é pela Tiradentes. No ano passado, fizemos a cavalgada saindo do trecho do Campo do Corinthians, mas o melhor lugar é na avenida Tiradentes. Então estarei falando com o Duran para vermos o itinerário da cavalgada. Depois, veremos a autorização com a Polícia Militar e tudo mais", explicou.

No ano passado, participaram aproximadamente 340 cavaleiros de 18 comitivas. Neste ano, a expectativa é de ao menos manter este número. “Convidaremos as comitivas de fora e o pessoal local”, explicou. Segundo Lopes, cavaleiros de Presidente Bernardes, Tupi Paulista, Dracena, Marabá Paulista, Mirante do Paranapanema, Campinal, Presidente Epitácio e Caiuá, entre outras cidades, participam do evento.

A concentração de cavaleiros deve ocorrer a partir das 9h, com saída programada para 10h30. Já o almoço será servido após a cerimônia de abertura da Faive.
Papel social

O presidente da feira, Wagner Bueno, destacou a importância do papel social do evento para a sociedade venceslauense. “Temos dentro do recinto, na semana de realização da feira, a participação de diversas entidades com a comercialização de produtos no setor da gastronomia e isso possibilita ganhos de recursos para auxiliar nas atividades assistenciais dessas entidades. E são várias. Temos mais de sete entidades que participam da Faive”, frisou.

A respeito da atuação dos Vicentinos, Bueno falou sobre a iniciativa e reforçou o apoio que a comissão organizadora concede à entidade. “Os Vicentinos não trabalham com a venda de produtos dentro do recinto, mas ao longo do tempo se encontrou esta forma, através da diretoria da entidade, para que a cavalgada tivesse um cunho social. Nós apoiamos essa iniciativa e nada mais justo do que essa cavalgada seja realizada com o apoio da Faive, porque nós sabemos que o evento ajudará diversas famílias carentes através da arrecadação do almoço, que será feito após a cavalgada. A Faive é uma festa solidária de modo geral e a cavalgada, dentro deste contexto, é mais um dos itens que faz parte desta solidariedade”, finalizou.

Eduardo Maduro/Assessor de Imprensa – Faive




Projeto do MIT- Município de Interesse Turístico de Pirapozinho chega à Assembleia Legislativa

Classificar a cidade como Município de Interesse Turístico (MIT), para que a mesma possa receber recursos do governo de São Paulo para investir em infraestrutura turística, gerando emprego e renda. Este é o compromisso assumido pelo deputado estadual Ed Thomas (PSB), com a população de Pirapozinho, na manhã desta quinta-feira (19/7/18), na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, através do prefeito Orlando Padovan e os vereadores Claudecir Marafom e Jurandir de Lima. Na oportunidade, o deputado recebeu dos representantes pirapozenses o Projeto de Lei 340/2018, a ser votado na Assembleia Legislativa, classificando a cidade como MIT para que possa receber recursos de até R$ 600 mil anuais, para investir em infraestrutura turística. “E para que possa gerar emprego e renda através dos vários atrativos que a cidade oferece, como a Fejupi, o Terra Parque, entre outros pontos turísticos”, enfatizou o deputado Ed Thomas responsável também por ter votado nos projetos que classificaram como MITs, as cidades de Panorama, Martinópolis, Rancharia, Rosana e Santo Expedito. E que continua empenhado para que mais municípios do Oeste Paulista agilizem os projetos turísticos, para serem aprovados na Alesp.

Jurandir, deputado Ed Thomas, Padovan e Marafom  

Assessoria de Comunicação

Jornalista – Airton Roberto Messinette

Registro fotográfico – Alex Schneider